Desoneração do ICMS poderia evitar cortes no farmácia popular, mostra diretor da interfarma à rádio gaúcha
Interfarma 09/10/2015

Desoneração do ICMS poderia evitar cortes no farmácia popular, mostra diretor da interfarma à rádio gaúcha

Pedro Bernardo, diretor de Acesso da Interfarma, concedeu entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha, e mostrou que os cortes previstos no Farmácia Popular são equivalentes à arrecadação estadual com ICMS sobre os medicamentos do programa. Isso significa que, se os medicamentos recebessem isenção desse imposto, como a Interfarma reivindica, uma despesa de aproximadamente R$ 500 milhões seria evitada. Esse é o valor do corte proposto pelo Governo Federal ao orçamento de 2016. “É um absurdo arrecadar importo sobre um programa como este”, disse Pedro Bernardo à Rádio Gaúcha. Ouça a entrevista completa aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *