Fórum da Folha: Biossimilares ampliam acesso a terapias de ponta e reduzem custo

Fórum da Folha: Biossimilares ampliam acesso a terapias de ponta e reduzem custo

Folha de S.Paulo | Jornalista: Danae Stephan

O Brasil é o quinto maior mercado de produtos farmacêuticos do globo, mas ocupa o 15° lugar no ranking mundial de pesquisas clínicas, segundo a Interfarma.
Cenário que deve melhorar com a parceria em curso entre institutos de pesquisa nacionais e grandes laboratórios para desenvolver medicamentos biológicos de ponta, o que deve garantir transferência de tecnologia ao país.
Esses fármacos de novíssima geração são produzidos a partir de organismos vivos. Inovam ao atacar enfermidades complexas como câncer e doenças autoimunes sem destruir células saudáveis.
Um biológico de referência (primeiro a usar determinado princípio ativo) leva anos para entrar no mercado e exige investimento de bilhões. 
É aí que entram os biossimilares, cópias não idênticas de remédios biológicos que seguem a lógica dos genéricos: como há economia com pesquisa, seu preço de venda é 30% a 70% menor que o do original. Uma economia de milhões para o governo e de milhares para o doente.
Biológicos representam 4% das compras do SUS hoje, mas consomem 51% de seu orçamento. Os biossimilares mudarão isso. Há sete remédios dessa classe aprovados hoje no país, e outros 14 estão a caminho do mercado. Isso amplia o acesso de pacientes a terapias de ponta. 
Leia mais: 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *